O Castro

Vigo: O Castro

O Castro é o segundo parque urbano mais extenso, está situado no alto do centro de Vigo, e é um dos parques mais visitados, sobretudo pelos turistas.

No alto do parque encontra-se a fortaleza amurallada do século XVII que graças a sua privilegiada situação, se podem observar umas preciosas vistas de Vigo e de sua ria.

Tem parques infantis, pistas de patinaje, de bicicletas,... e na zona baixa da ladera norte pode-se visitar as excavaciones arqueológicas de um castro da idade de ferro que foi romanizado posteriormente.

Também existem sendas botánicas assinaladas nas que se podem contemplar espécies tão diversas como: castaños de índias, álamo cano, camelia perfumada, pitosporo da China, hakea, yuca arbórea, acacias de madeira negra,... e assim até mais de 30 espécies.

A Fortaleza

Na cimeira encontra-se a fortaleza amurallada do castelo do Castro, arquitectura militar do século XVII. Esta fortaleza militar decidiu-se construir ante a possibilidade de ataque marítimo dos países aliados de Portugal na Guerra de Restauração Portuguesa (1640-1668).

Ante esta necessidade de defesa da cidade constrói-se a muralha que rodearia ao núcleo populacional e criar-se-iam os castelos do Castro e San Sebastián. O Castillo do Castro seria o mais alto e o que defenderia a cidade desde sua posição dominante na cume. Acharam-se pasadizos subterrâneos que uniam o castelo do Castro com o de San Sebastián e outros para o interior da cidade amurallada.

A fortaleza do Castro estava formado por três recintos amurallados superpuestos de planta poligonal estrellada dos quais só se conserva o primeiro recinto e parte do segundo.

Parques e Jardins

O Castro é difícil poder conhecer em um dia devido à variedad de suas paisagens e sua multidão de caminhos que se entrecruzan uns com outros rodeando a colina.

No alto do parque estão os jardins da fortaleza com estanque e esculturas. Rodeando a fortaleza há multidão de espaços naturais entre as muralhas, desde pequenos bosques e jardins até um estanque com patos e cascata.

Na zona alta, mas já fora da fortaleza, estão as zonas de lazer: um restaurante, uma cafetería, dois parques infantis, um circuito para bicicletas e uma pista de skate e patinaje.

Nas laderas tem zonas de bosque com pequenos caminhos terra que rapidamente te fazem esquecer que estás no centro da cidade. Está plagado de pequenos ambientes com estanques e arboledas com bancos e mais de 20 monumentos e esculturas povoam seus espaços.