Parque Castrelos

Vigo: Parque Castrelos

Com uma extensão de 22000 m2, o parque de Castrelos , é o parque urbano maior de Vigo. O lugar perfeito para o lazer na cidade: auditório de concertos ao ar livre, lago artificial com aves acuáticas, zonas de passeio, parques infantis, zonas de descanso e muito espaço para fazer desporto.

Foi doado à cidade de Vigo por Marqués de Alcedo, dono do pazo Quiñones de León. Este espaço natural pertencia aos terrenos adjacentes ao pazo convertido agora em um museu e que conta com uns jardins de beleza versallesca e de grande interesse turístico.

O parque encontra-se povoado de grande quantidade de espécies de árvores e arbustos, principalmente: abedules, araucarias, camelias, castaños de índias, castaños, laranjeiras, plátanos, rododendros, sauces, magnolias e eucaliptos.

O Auditório

Em sua zona central encontra-se um dos melhores auditórios ao ar livre de Espanha.

O auditório tem estrutura de teatro grecorromano que aproveita a pendente natural da ladera formando um espaço natural de grande beleza.

Tem duas zonas separadas por um fosso com água: as gradas e a área próximo do palco, gratuito e de pagamento respectivamente. Todos os verões e com motivo das festas locais do Cristo da Vitória se celebram concertos ao ar livre de grandes artistas nacionais e internacionais.

O Lago Artificial

Nele habitam numerosas espécies de aves acuáticas: cisnes, patos, ocas,... e construiu-se com capacidade para realizar espectáculos de luz e som sincronizados com os chorros de água.

O lago artificial está desenhado a vários níveis formando pequenas cascatas desde o nível mais alto onde se encontram grandes chorros de água verticais. Uma ponte permite cruzá-lo e desfrutar de pequenas áreas de descanso junto a ele.

As aves que nele habitam se acostumaram à presença humana e se passeiam pelos jardins circundantes ao lago.

Os jardins e o bosque

O parque de Castrelos tem uma ampla zona ajardinada próxima ao lago artificial. É a zona perfeita para o passeio com abundantes zonas de sombra graças a sua variada vegetación arbórea.

Está formado por grandes áreas de zona verde atravessada por caminhos zigzagueantes. Zonas de descanso com fontes, um riachuelo e um pequeno estanque com esculturas.

A zona de bosque é a mais ampla. Está formada por grandes árvores centenários que amortecem o ruído da cidade e contribuem um ambiente natural e paisagens de grande beleza. Está zona está delimitada pelo rio Lagares e é a zona preferida para as pessoas que querem passear ou fazer footing.